Vacinas contra a covid-19 não causam perda auditiva, diz estudo

O que você vai ler neste post

As vacinas são a principal esperança na luta contra a covid-19, mas a imunização contra o coronavírus SARS-CoV-2 ainda causas algumas dúvidas em relação à possíveis efeitos colaterais. Pesquisadores investigam a relação das vacinas existentes atualmente contra a covid-19 com a perda de audição súbita. A boa notícia é que estudos científicos apontam para a segurança dos imunizantes.

Pesquisadores da Universidade Johns Hopkins investigaram 147 casos de perda auditiva relatados nos Estados Unidos entre dezembro de 2020 e março deste ano. Em comum, todos as pessoas que disseram ter tido perda auditiva temporária receberam as vacinas da Pfizer/BioNTech ou da Moderna, imunizantes aplicados na população norte-americana.

Os responsáveis pelo estudo pesquisadores determinaram que somente 40 desses casos eram confiáveis. Ou seja, foram confirmados por um médico e havia exames médicos ou clínicos atestando a perda auditiva súbita. Do total analisado, 25 eram mulheres e 15 eram homens, com idades entre 25 e 88 anos.

Segundo os resultados, a conclusão do estudo científico apontou que as vacinas contra a covid-19 não foram responsáveis pela perda auditiva. De acordo com o relatório publicado na revista científica JAMA Otolaryngology-Head and Neck Surgery, os pesquisadores afirmaram que os casos foram apenas coincidência. “Não existe associação entre a aplicação de uma vacina de RNA mensageiro [mRNA] contra a SARS-CoV-2 e a perda auditiva súbita”, explicaram os cientistas na publicação.

O que é perda auditiva súbita?

A perda auditiva súbita é caracterizada pela perda brusca da audição. Pode ser definitiva ou temporária e afetar um ou os dois ouvidos. O problema normalmente está relacionado com o desenvolvimento de infecção no ouvido e atinge pessoas de todas as faixas etárias. No entanto, a incidência é maior entre pessoas de 40 a 60 anos.

As causas podem ser variadas e em muitas situações sequer são identificadas pelas especialistas. Entre os principais motivos para o aparecimento do distúrbio estão doenças virais, como caxumba sarampo ou catapora, infecções bacterianas, traumas no ouvido causados pelo uso incorreto de cotonete e uso de remédios anti-inflamatórios ou antibióticos.

Além da redução da capacidade de audição, um dos principais sintomas da surdez subida é o zumbido, ruído insistente e incômodo no ouvido, mesmo quando não há nenhum barulho no ambiente. Aproximadamente 70% dos casos de surdez súbita são acompanhados de zumbido no ouvido. Outros sintomas que podem aparecer nesses casos são vertigens ou a sensação de pressão no ouvido, como se estivesse tampado.

É fundamental procurar um otorrinolaringologista imediatamente após sentir quaisquer desses sintomas. Quanto mais rápido for realizado o atendimento médico, maiores serão as chances de reverter o problema. Após as primeiras 48 horas, as chances de ter um tratamento efetivo se reduzem drasticamente.

Tenha o melhor suporte!

A sua audição merece o melhor cuidado possível. Por isso, dê a ela o melhor suporte. Com experiência de quase 30 anos no mercado de soluções auditivas, a OUVI Aparelhos Auditivos oferece ao paciente um tratamento individualizado, com estrutura completa e equipamentos de última geração. Mais do que isso, contamos com uma equipe especializada de fonoaudiólogos, que participam de todas as etapas do processo de reabilitação auditiva, desde o diagnóstico até acompanhamentos periódicos.

A OUVI é representante oficial da Phonak, líder mundial em soluções auditivas, e dispõe de uma grande variedade de aparelhos auditivos. Nossa matriz está localizada na Rua Francisco Sales, 245, bairro Martins, em Uberlândia (MG). A OUVI ainda está presente em outros seis endereços, sendo outra unidade em Uberlândia e nas cidades de Uberaba (MG), Araguari (MG), Goiânia (GO), Catalão (GO) e Itumbiara (GO).

Leia também: O que fazer para ampliar a vida útil do aparelho auditivo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *