Qual a relação entre a perda auditiva e a queda dos idosos?

O que você vai ler neste post

Quase a metade da população com mais de 70 anos apresenta perdas auditivas significativas, segundo estudos científicos recentes. Conhecida como presbiacusia, a perda auditiva na terceira idade tem um grande impacto na vida dessa população. Se não for tratada corretamente, a perda auditiva pode causar uma série de problemas de saúde, como depressão e demência. Mas você sabia que a dificuldade de audição é uma das principais causas de queda entre os idosos?

Isso acontece porque a deficiência auditiva prejudica o labirinto, órgão sensorial localizado dentro do ouvido responsável pelo senso de equilíbrio e controle postural do corpo humano. Isto é, quando o labirinto é afetado, a dificuldade de manter-se em equilíbrio aumenta consideravelmente. Por isso, as quedas tornam-se mais frequentes e podem causar sérios prejuízos à saúde dos idosos.

As quedas estão entre as causas mais comuns de internação hospitalar entre a população idosa. São frequentes as incidências de fraturas nas pernas ou braços causados por quedas em casa. O tratamento, na maioria dos casos, é cirúrgico. Infelizmente em alguns casos o procedimento pode até levar à morte por causa de complicações cardíacas, bloqueios da artéria pulmonar ou infecções generalizadas.

A perda auditiva na terceira idade

A principal causa da perda de audição entre os idosos é o envelhecimento natural do ser humano. Dos seis sentidos do corpo humano, a audição é o que envelhece mais precocemente. Geralmente, a redução da capacidade auditiva pode acontecer a partir dos 40 anos e se agrava com o passar dos anos. A partir dos 60 anos esse índice sobe para 25% e chega a quase 50% da população com mais de 70 anos

Além da dificuldade de ouvir os sons com clareza, a perda auditiva também pode vir acompanhada de problemas como zumbido, vertigem e desequilíbrio. Por isso, é fundamental a realização de exames auditivos periódicos. Quanto mais precoce for identificada a perda auditiva, melhores serão os resultados. O uso do aparelho auditivo é o tratamento mais indicado na maioria dos casos de perda auditiva.

Os aparelhos auditivos não restauram a audição. Entretanto, amplificam as ondas sonoras para que uma pessoa com perda de audição possa ouvir os sons no ambiente a seu redor. Ouvir os sons perfeitamente e compreender a fala dos amigos e familiares é imprescindível para o idoso caminhar com mais firmeza, mantendo o equilíbrio e postura corporal.

Faça a melhor escolha!

Há quase 30 anos no mercado de soluções auditivas, a OUVI Aparelhos Auditivos oferece uma grande variedade de aparelhos auditivos, que se adequam perfeitamente às necessidades auditivas de cada usuário. Atualmente os aparelhos auditivos são altamente tecnológicos, pequenos e extremamente confortáveis.

A OUVI é revenda oficial da Phonak, líder mundial em soluções auditivas. Contamos com estrutura completa, equipamentos de última geração e uma equipe capacitada de fonoaudiólogos, que participam de todas as etapas do processo de reabilitação auditiva. Tudo para proporcionar a melhor reabilitação auditiva possível a nossos pacientes. Com conforto e preço justo.

Visite uma de nossas unidades e mantenha a sua saúde auditiva em dia. Afinal, a audição é urgente e não pode esperar. Nossa nova matriz está localizada em Uberlândia (MG), que conta ainda com outra unidade. A OUVI ainda está presente nas cidades de Uberaba (MG), Araguari (MG), Goiânia (GO), Catalão (GO) e Itumbiara (GO).

Leia também: Como convencer seus pais dos benefícios do aparelho auditivo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *