Uso do fone de ouvido pode causar perda auditiva

O que você vai ler neste post

Os fones de ouvido são acessórios indispensáveis no mundo moderno em que vivemos, não é mesmo? Seja para ouvir música, conversar pelo celular ou se divertir com jogos eletrônicos. O uso do dispositivo ganhou ainda mais relevância após a pandemia do novo coronavírus. Afinal com as reuniões ou aulas online cada vez mais comuns, o uso do fone de ouvido tornou-se ainda mais frequente. No entanto, é preciso tomar cuidado para o equipamento não prejudicar a sua audição.

Você sabia que o uso excessivo do fone de ouvido pode até mesmo causar perda auditiva temporária ou permanente? Isso acontece porque, dependendo do tempo de exposição e intensidade, o som alto mata as células ciliadas, que não são regeneradas pelo organismo. De acordo com especialistas, a exposição a ruídos com frequência superior a 85 decibéis (dB) pode gerar danos irreversíveis.

O uso cada vez mais frequente do fone de ouvido acendeu um alerta na Organização Mundial da Saúde (OMS). A entidade calcula que nos próximos anos cerca de 1,1 bilhão de jovens em todo o mundo correm o risco de perder a audição por escutar música com fone de ouvido em alto volume por um longo período de tempo.

Como evitar os prejuízos à audição?

Mas fique tranquilo e não precisa jogar seus fones de ouvido fora. Se o dispositivo for utilizado corretamente as chances de causar algum dano para a audição são mínimos. A recomendação de especialistas é não utilizar o acessório horas a fio. Se possível, use o fone de ouvido por 30 minutos diários. Se não for possível, faça algumas pausas no uso do equipamento.

Outra recomendação dos especialistas para evitar danos à audição é não deixar o volume na capacidade máxima do aparelho. O modelo do fone de ouvido também ajuda a minimizar os prejuízos à saúde auditiva. Prefira os fones de ouvido externos, que são menos invasivos aos modelos que são posicionados dentro do ouvido.

Alguns sinais que podem indicar prejuízos à audição são o zumbido, aquele barulho incômodo no ouvido, mesmo quando não há nenhum ruído no ambiente; pressão nos ouvidos; dificuldade para compreender as palavras; falta de concentração e irritabilidade. Ao notar esses sintomas, a orientação é procurar um especialista e, se necessário, iniciar a reabilitação auditiva. Se a perda auditiva for diagnosticada, o uso do aparelho auditivo é o tratamento mais indicado.

Como tratar a perda auditiva

Maior empresa de aparelhos auditivos do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, a OUVI Aparelhos Auditivos é referência na prevenção é reabilitação auditiva há mais de 27 anos. Contamos com estrutura completa, equipamentos de última geração e uma equipe qualificada de fonoaudiólogos. Tudo para oferecer a você a melhor experiência auditiva.

Revenda oficial da suíça Phonak, líder mundial do segmento, a OUVI conta com um portfólio de mais de 40 tipos de soluções auditivas, que se adequam às necessidades de cada paciente. Atualmente os aparelhos auditivos são modernos, pequenos e praticamente imperceptíveis, proporcionando discrição aliado à excelente qualidade sonora.

Agende uma visita a uma de nossas unidades e mantenha-se conectado com o mundo dos sons. Nossa nova matriz está localizada na Rua Francisco Sales, 245, bairro Martins, em Uberlândia (MG). A OUVI ainda está presente em outros seis endereços, sendo outra unidade em Uberlândia e nas cidades de Uberaba (MG), Araguari (MG), Goiânia (GO), Itumbiara (GO) e Catalão (GO).

Leia também: Saiba como se comunicar em ambientes barulhentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *