Aparelhos auditivos: tudo o que você precisa saber

O que você vai ler neste post

Ao receber o diagnóstico de perda auditiva e a indicação para o uso do aparelhos auditivos, é natural que o paciente sinta-se inseguro e preocupado. Afinal, o processo de reabilitação auditiva pode causar dúvidas, principalmente no período de adaptação. Por isso é fundamental mergulhar nesse universo e entender como funciona o dispositivo. E procurar um centro auditivo idôneo, com experiência no mercado e que ofereça a melhor tecnologia em aparelhos auditivos.

Em primeiro lugar é importante dizer que os aparelho auditivos evoluíram muito nos últimos anos. Esqueça aquele equipamento enorme e nada discreto posicionado atrás da orelha. Os sons metálicos e artificiais também ficaram no passado. Atualmente os aparelhos auditivos são pequenos, discretos e praticamente imperceptíveis. Além disso, transmitem sons naturais e com excelente qualidade sonora.

Naturalmente, a função primordial da prótese é devolver ao paciente a capacidade de escutar. No entanto, com o avanço da tecnologia os aparelhos auditivos ganharam funcionalidades inimagináveis tempos atrás. O Phonak Audeo B-Direct, permite atender ligações telefônicas, funcionando como fones de ouvido sem fio e utilizando os microfones embutidos para captar a voz nas chamadas telefônicas. O aparelho também tem conexão à televisão através de um acessório multimídia compacto.

Para aqueles que estão cansados de trocar pilha e querem comodidade e segurança, a alternativa é a linha recarregável, que conta com bateria interna de íons de lítio. O aparelho tem sua carga completa em apenas três horas de carregamento e oferece até 24 horas de audição. São indicados para quem não quer ter a necessidade de trocar as pilhas e nem o incômodo de ficar sem bateria durante algum momento.

Tipos de aparelhos auditivos

Existem três tipos principais de aparelho auditivo: o retroauricular (BTE), receptor no canal (RIC) e os intracanais customizados. Cada tipo de prótese auditiva é indicado de acordo com o grau de perda auditiva, adaptação e formato do canal auditivo. Com o diagnóstico em mãos, o fonoaudiólogo determina qual é o modelo perfeito para o paciente.

O retroauricular (BTE) é aquele posicionado atrás da orelha. Por isso é um dispositivo discreto, resistente e de fácil manuseio. O retroauricular é formado por duas partes interligadas por um tubo transparente, em plástico ou em silicone, que transmite o som amplificado. O aparelho é indicado para pacientes com perda auditiva de grau leve a severa e conta com uma grande quantidade de recursos.

Evolução do retroauricular, o aparelho receptor no canal (RIC) é considerado o mais moderno e versátil dispositivo existente no mercado. Isso porque o mesmo aparelho pode ser utilizado caso aumente o grau da perda auditiva – situação que ocorre com bastante frequência. Assim como o seu “primo” retroauricular, o RIC também é posicionado atrás da orelha e ligado ao canal auditivo por um fio fino transparente com um receptor na sua ponta. É o menor e mais discreto tipo de aparelho auditivo do mercado.

Diferente dos aparelho auditivo RIC e do BTE, o aparelho intracanal customizado é formado por uma única peça. Posicionada próximo ao canal auditivo, é uma prótese auditiva pequena e discreta. Entre as principais vantagens estão a bateria e a durabilidade, que costumam ser maiores que os demais tipos. Os aparelhos intracanais customizados tem uma boa qualidade sonora e conseguem atender perfeitamente pacientes com perda auditiva grau leve a moderado.

Serviços com qualidade e excelência

A OUVI Aparelhos Auditivos é revenda oficial da Phonak, líder mundial do segmento, e conta com um portfólio de mais de 40 tipos de soluções auditivas, que atendem às necessidades de cada paciente. Além disso, contamos com atendimento personalizado, estrutura completa e equipamentos de última geração.

Além disso, contamos com uma equipe qualificada de fonoaudiólogos. Os profissionais participam de todas as etapas do processo de reabilitação, desde a recepção até as consultas, exames e a venda de aparelhos. Tudo é pensado para oferecer a melhor experiência auditiva, com máximo conforto e preço justo.

Agende uma visita a uma de nossas unidades e volte agora mesmo ao mundo dos sons. Nossa nova matriz está localizada na Rua Francisco Sales, 245, bairro Martins, em Uberlândia (MG). A OUVI ainda está presente em outros seis endereços, sendo outra unidade em Uberlândia e nas cidades de Uberaba (MG), Araguari (MG), Goiânia (GO), Itumbiara (GO) e Catalão (GO).

Leia também: Perda auditiva é um dos principais fatores de risco da demência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *